O imaginário popular adora um brinquedo possuído: basta nos lembrarmos do Chucky, da Anabelle e das lendas envolvendo o Fofão e a Xuxa. Agora, outra boneca quer entrar nesse rol de encapetadas. Ela se chama Sarita e supostamente atormenta uma família que mora em Callao, no Peru, há 7 anos.

Não se deixe enganar pela aparência meiga de Sarita, que pode agradar com seus olhos azuis e cabelo loirinho. Segundo relatos da família Nuñez, a boneca começou a apresentar sinais paranormais depois que sua dona, uma garotinha, morreu. Ivonne Nuñez, tia da garota, revela que ela morreu na casa onde a boneca Sarita se encontra e que nunca conseguiu se livrar dela por conta das boas lembranças que ela traz.

E a bizarrice não para por aí: a boneca tem uma função bizarra, já que reza o Pai Nosso quando apertam um botão em suas costas. Só que, muitas vezes, a oração começa sem que ninguém esteja manipulando o brinquedo! E se isso não for bizarro o suficiente para você, saiba que Sarita nunca “acorda” onde foi deixada: sempre aparece em lugares diferentes da casa, como o sofá ou a mesa.

Boneca supostamente sai do canto onde deveria permanecer e também canta o Pai Nosso sem ninguém apertar o botão

Exorcismo

Outra moradora da casa, Angie Nuñez, conta que ouve barulhos esquisitos, vê sombras estranhas e sente uma presença ruim no canto do quarto no qual Sarita deveria repousar. A família também relata o surgimento de hematomas misteriosos, que supostamente teriam sido feitos pela boneca.

Para exorcizar o suposto demônio de Sarita, a família resolveu contratar uma especialista no assunto, chamada Soraya de Los Angeles. A paranormal alegou ter sentido uma presença feminina maligna na casa dos Nuñez, que logo associaram à sobrinha falecida. A história bizarra foi mostrada recentemente no programa “Verónica de Película”, do canal ATV. Confira:

***

Você sabia que o Mega Curioso também está no Instagram? Clique aqui para nos seguir e ficar por dentro de curiosidades exclusivas!