O curioso peixe do vídeo acima acaba de bater todos os recordes de nado em profundidade. A criatura, apelidada de “peixe-fantasma” — basta observá-la em movimento para entender o porquê —, foi encontrada por pesquisadores da Universidade do Havaí nadando placidamente a uma profundidade de 8.143 metros no local conhecido como Fossa das Marianas. Com 11 quilômetros de profundidade, trata-se do ponto mais profundo entre os oceanos.

O animal consta entre os chamados “peixes viscosos” (Liparidae), apresentando nado lento e nadadeiras translúcidas. Naturalmente, a espécie se destaca pela capacidade de sobreviver em semelhantes condições extremas — sem luz e praticamente sem comida. De fato, a descoberta do “peixe-fantasma” deve servir de estofo para estudos associados ao tema.

O “peixe-fantasma” abocanhou o recorde de outra espécie encontrada na profundidade de 7.700 metros.