Cachorros são criaturas inteligentes, complexas e encantadoras. Por causa da parceria que têm com seres humanos, conseguimos reparar mais de perto em alguns traços do comportamento desses animais, inclusive naqueles que nos parecem ser estranhos.

Nesse sentido, você já deve ter percebido que cachorros tendem a latir quando um carro buzina ou quando algum veículo com sirene se aproxima. Por que será que isso acontece?

O motivo por trás disso está lá no passado evolutivo dos cachorros, que têm no lobo o seu grande ancestral.     Quando membros da mesma matilha se espalham por algum motivo, seus companheiros começam a uivar para facilitar o encontro – é quase um GPS natural.

Faz sentido

Uivando, os cães se comunicam com outros cachorros e conseguem saber onde eles estão, mesmo em longas distâncias. A partir dessa informação, fica mais fácil entender que cachorros não sabem muito bem diferenciar uivos e outras latidas de buzinas e sirenes.

Para eles, ou esses barulhos são interpretados como sendo de outros cachorros ou são indicativos de que algo de errado está acontecendo no ambiente e de que eles precisam mostrar que estão sabendo disso. Como? Latindo por longos períodos.

Ainda que essas longas sessões de latidos e uivados geralmente sejam inofensivos, é bom reparar se elas acontecem muitas vezes, pois elas podem indicar também que o cachorro está estressado ou muito ansioso. Se o uivo persistir mesmo após a passagem da sirene ou da buzina, é sempre bom considerar levar o cachorro para uma avaliação veterinária.