Nesta semana, pipocaram vídeos de uma galera descendo um barranco na maior velocidade possível. Praticamente todo mundo cai, rola, dá cambalhotas e se arrebenta antes de chegar ao final. Mas, afinal, por que todo mundo está fazendo isso? A resposta é simples: para pegar um queijo.

Chamada de Corrida do Queijo, a Cooper's Hill Cheese Rolling and Wake é uma competição que acontece na vila de Brockworth, no condado de Gloucestershire, no Reino Unido. Esse condado, inclusive, dá nome ao queijo que todos os “atletas” tentam conquistar e levar para a casa. A competição ocorre sempre em maio, e a edição de 2018 aconteceu no último final de semana – por isso os vídeos estão bastante populares no Facebook. Confira os piores momentos deste ano:

A colina tem 200 metros de comprimento, mas uma grande inclinação, fazendo com que o queijo Gloucester atinja mais de 110 km/h! A ideia inicial era de a pessoa pegar o queijo e atravessar a linha de chegada por primeiro para se tornar vencedora. Porém, como o alimento ganha muita velocidade, normalmente ganha quem chegar primeiro mesmo...

Como o terreno da colina é extremamente irregular, muita gente se machuca feio na competição. Ossos quebrados, luxações e esfolados em carne viva são as situações mais comuns. Ninguém sabe direito quando a tradição começou, mas acredita-se que já tenha mais de 200 anos!

Curiosamente, o campeão deste ano é um soldado chamado Chris Anderson, que nem sequer gosta do queijo de Gloucester – ele prefere o cheddar. Mesmo assim, ele detém o recorde de maior catador da competição, vencendo 22 corridas nos últimos 14 anos. Ele vende os queijos que ganha para doar para hospitais e instituições de caridade do próprio condado.

chris andersonChris Anderson: um campeão que não gosta do queijo

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!