Conhecido por criar campanhas promocionais inusitadas, curiosas e, especialmente, que buscam provocar a concorrência, a nova publicidade da rede de fast-food Burger King é tudo isso e mais um pouco. Voltada para promover o aspecto natural da nova linha de sanduíches da marca, a propaganda agora apresenta, em um curto vídeo, o processo de decomposição de um Whopper, um dos principais sanduíches BK, após 34 dias encostado.

"A beleza da comida real é que ela fica feia. É por isso que estamos lançando um Whopper livre de conservativos artificiais. Está chegando ao final de 2020 em todos os restaurantes nos Estados Unidos."

Chamando a atenção por apresentar realmente um processo feio, nojento e, para muitos, incômodo, a intenção da publicidade é exatamente essa, chocar o público e, claramente, revelar o que acontece com alimentos de verdade, diferentemente de outros casos já mostrados em diversos canais de YouTube onde sanduíches de fast-food conseguem ficar preservados por anos, assim como seus aperitivos.

A campanha, chamada carinhodamente de "A beleza sem conservantes artificiais", revela um sanduíche que, ao final dos 34 dias de "preservação", começa a apresentar diversos pontos de mofo, com a carne ganhando uma textura estranha e coberta de camadas estragadas. Além disso, a própria estrutura do pão cede, mostrando um desgaste natural em todos os gêneros alimentícios que é possível encontrar no Whopper.

Segundo informado pelo Burger King, mais de 400 unidades de restaurantes norte-americanos já contam com a eliminação dos conservantes artificiais, com mais de 90% dos ingredientes lives de corantes e aditivos e com 100% deles livres de glutamato monossódico e xarope de milho com alto teor de frutose.

https://www.seriouseats.com/2016/04/whopper-ode-burger-appreciation.html
(Fonte: Reprodução)

A rede de fast-food anunciou que já retirou os conservantes artificiais dos sanduíches Whopper em várias unidades de diversos países europeus, dessa vez anunciando que, até o final de 2020, a intenção é remover totalmente das mais de de seus 7.300 lojas dos Estados Unidos, incluindo de toda sua linha do cardápio (sanduíches, acompanhamentos e sobremesas) e não somente do Whopper.

A ação equipara-se a uma medida tomada pelo McDonald's ainda em 2018, quando anunciou que também estaria eliminando os aditivos artificiais de sete de seus principais sanduíches.

Infelizmente ainda não há informações sobre quando a iniciativa poderá chegar ao Brasil.