Já se foi o tempo em que casar era sinônimo de sucesso, e hoje não é difícil encontrar pessoas muito bem resolvidas que, ainda que tenham suas aventuras amorosas de vez em quando, nem cogitam a ideia de trocar alianças de casamento e promessas de fidelidade.

Dentro dessa nova tendência, temos mais mulheres solteiras e felizes assim do que homens. O motivo? Ao que tudo indica, estar em um relacionamento sério requer muito mais empenho para elas do que para eles, de acordo com uma pesquisa divulgada pelo The Independent.

O estudo concluiu que 61% das mulheres solteiras se consideram felizes e realizadas assim – entre os homens, esse índice cai para 49%. Além disso, os dados revelaram que 75% das moças solteiras já não estavam buscando um relacionamento sério no ano passado – entre os homens, esse número é de 65%.

Mudança de paradigma

single ladies

“Há evidências de que as mulheres gastam mais tempo nas tarefas domésticas do que os homens”, explicou a professora Dra. Emily Grundy, da Universidade de Essex. Para ela, em relacionamentos heterossexuais, as mulheres também são mais sobrecarregadas em termos emocionais, o que acaba transformando a ideia do casamento em algo desinteressante.

A essa percepção das desvantagens do matrimônio se junta também o fato de que as mulheres são melhores na hora de manter bons laços de amizades e de outras formas de interação social, enquanto “homens tendem a depender muito de suas esposas para isso e têm menos laços sociais”, explicou a Dra. Grundy.

Ela diz, ainda, que as mulheres solteiras têm mais alternativas sociais e que outras pesquisas comportamentais já mostraram isso. Além desse fato, atualmente o estigma da mulher solteira já mudou bastante, e não ser casada não quer mais dizer que a mulher não foi escolhida por algum pretendente ou que fracassou – pelo visto, muito pelo contrário.