A montanha Rysy está localizada na fronteira da Eslováquia e da Polônia e possui três picos: o maior, o pico noroeste, tem 2.499 metros de altitude e é considerado o ponto mais alto da Polônia. Sua escalada é cansativa e bastante íngreme, mas não oferece tantas dificuldades assim, sendo possível alcançar o topo mesmo não sendo um alpinista profissional.

Lá de cima, é possível ver o belo vale das Montanhas Tatra, incluindo os lagos Morkie Oko e Czarny Staw – este último com águas cristalinas e encantadoras! Quem sobe até os picos da Rysy espera ter um contato com a natureza e nunca se decepciona. Alguns animais são possíveis de serem vistos pelo caminho, mas o alpinista Wojciech Jabczynski não esperava encontrar um gato doméstico lá no topo.

Gato alpinistaGato alpinista não se incomodou com a presença de humanos na sua montanha

O bichano amarelo estava lambendo as patas, parecia bem nutrido e não demonstrou medo dos humanos. Ele até se aproximou de Wojciech quando o homem retirou o almoço da mochila – esperto, hein? No resto do tempo, ficou despreocupado e curtindo a paisagem. Nem o frio o incomodava.

Wojciech acredita que o animal more em uma cabana para turistas no sopé da montanha. Ele acabou fazendo uma foto e um vídeo do felino no topo da montanha, mas muita gente reclamou que era preciso ter resgatado o animal. Já outras pessoas brincaram que ele seria um leopardo-das-neves ou uma cabra-montanhesa disfarçados.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!