Já imaginou ir ao hospital por um problema comum, como dor nas costas, e descobrir que tem um órgão extra? Foi o que aconteceu com um brasileiro ao se consultar no Hospital do Rim, em São Paulo.

O caso repercutiu mundialmente, tendo sido publicado no The New England Journal of Medicine na última quarta-feira, além de outras mídias no meio científico de todo o mundo.

Ao ir ao médico, se queixando de dores nas costas, os profissionais de saúde resolveram realizar exames de tomografia computadorizada para identificar a origem da dor. Assim, foi encontrado no paciente uma hérnia de disco, além de um rim extra alocado no abdômen.

Um dos rins, do lado esquerdo, foi encontrado em uma forma normal, enquanto os  restantes aparentavam estar unidos e localizados próximo à pélvis do paciente. De acordo com Renato Foresto, um dos médicos responsáveis pelo processo, para a IFLScience: "Nunca vimos nada parecido com isso".

Todos os órgãos funcionavam bem e estavam conectados com a bexiga pelo lado direito. Além disso, não era o terceiro rim o causador das dores, mas a hérnia de disco.

Brasileiro descobre que tem um terceiro rim ao procurar causa de dor nas costas. (Fonte: Medical Graphics / Divulgação)Brasileiro descobre que tem um terceiro rim ao procurar causa de dor nas costas. (Fonte: Medical Graphics / Divulgação)

O que é um rim supranumerário?

O aparecimento sem explicação de um rim extra é uma condição extremamente rara, mas que já foi documentada previamente. De acordo com os médicos, esse órgão adicional é resultado de uma anormalidade congênita, sendo desenvolvida durante o período embrionário do indivíduo.

Outros órgãos, como o baço, também podem ser duplicados naturalmente. De acordo com os autores do livro Fundamentos de Anatomia Clínica, cerca de 10% da população apresenta o baço duplicado.

De acordo com livro, cerca de 10% da população tem um baço extra no corpo. (Fonte: Pixabay / Divulgação)De acordo com o livro, cerca de 10% da população apresenta um baço extra no corpo. (Fonte: Pixabay / Divulgação)