No longa-metragem “O Máskara”, a transformação de Jim Carrey na divindade brincalhona de cabeça verde se dá em alguns poucos segundos. Entretanto, retirada a magia dos efeitos especiais e do tempo acelerado, o que há, naturalmente, é um longo processo de composição — conforme revelam as imagens abaixo, recentemente vazadas internet afora.

Na sequência, é possível ver o passo a passo da lenta transformação de Carrey no deus bufão dançador de rumba que fez o efetivo policial de Edge City balançar o esqueleto — papel que transformou o ator de um contorcionista cômico em um dos favoritos de Hollywood.

“Que dentes enormes você tem”

E há algumas curiosidades sobre a indumentária: os enormes dentes do anti-herói haviam sido colocados apenas no manequim; o ator os achou tão cômicos que resolveu mantê-los ao utilizar a máscara — embora, antes, tenha gasto um bom tempo ensaiando as falas com a dentadura desproporcional.

Afora a máscara, Carrey também contou que o terno amarelo utilizado pelo personagem teve inspiração em um traje criado por sua mãe para uma de suas primeiras sessões de comédia stand-up — na primeira ocasião em que apareceu na TV.

Outra maquiagem famosa de Jim Carrey

Jim Carrey vestiria pouco depois de “O Máskara” uma nova maquiagem particularmente penosa, dessa vem em “O Grinch”, mesmo após ter jurado que não utilizaria mais esses recursos em filmagens. Para ser transformado na criatura verde, peluda e rancorosa do filme, Carrey precisava passar por sessões de maquiagem que podiam durar até oito horas.