Muitas pessoas enfrentam problemas de concentração durante o trabalho, os estudos ou qualquer outra situação que exija uma atenção maior para ser realizada. Esses indivíduos têm dificuldade em manter o foco sobre suas tarefas e, por não saberem administrar as prioridades em uma lista de afazeres, acabam se enrolando e até se prejudicando por isso.

Esse fato é explicado pelos chamados “resíduos de atenção”, como é conhecido o processo em que a mente das pessoas mantém o seu subconsciente em uma tarefa anterior no momento em que elas iniciam uma nova. A responsável por essa visão é a autora Sophie Leroy, que conduziu um estudo nessa área em 2009.

Essa pesquisa mostra como os indivíduos se tornam menos produtivos quando alternam entre diversos afazeres, em comparação a quando se atentam a apenas uma tarefa. Segundo Leroy, os resíduos de atenção referentes ao que estava se fazendo antes prejudicam a nova situação, na medida em que as pessoas já a iniciam distraídas. Como consequência, isso condiciona a pessoa para outras formas distração.

Sim, então pode-se dizer que é culpa do seu cérebro o fato de você não conseguir se concentrar nas tarefas de maneira adequada. Porém, há uma forma de tentar corrigir isso e melhorar a sua produtividade.

Ajudando a manter a concentração

O professor de Ciências da Computação da Universidade de Georgetown, em Washington, Estados Unidos, Cal Newport defende que, para ajustar esse problema, é preciso tentar corrigir os resíduos de atenção. Para tanto, ele recomenda que as pessoas adotem o que chama de “trabalho profundo”. 

Deve-se escolher uma tarefa mais desafiadora, mais trabalhosa e que demore mais tempo para ser realizada e focar em terminá-la antes de fazer qualquer outra coisa. Segundo Newport, isso deve livrar os indivíduos da atenção residual e torná-los mais produtivos. Consequentemente, não haverá tanta procrastinação e o trabalho renderá mais.

A visão e as recomendações do professor estão publicadas no livro “Deep Work: The Secret to Achieving Peak Productivity” (“Trabalho Profundo: o segredo para atingir a produtividade máxima”, em tradução livre). Então, lembre-se, mantenha o foco em apenas uma tarefa até terminar, dê um tempo para refrescar as ideias e parta para a outra.