Aqui no Mega Curioso nós estamos acostumados a divulgar alguns recordes, especialmente aqueles mais surpreendentes. Hoje, temos o orgulho de divulgar a presença de um brasileiro de Curitiba no Livro dos Recordes.

Neste domingo (26), o ciclista Evandro Portela, de 40 anos, contou com o suporte da Polícia Rodoviária Federal para, em um período de poucos minutos, conseguir se tornar um recordista mundial – agora ele é o ciclista mais rápido da história, já que conseguiu chegar à velocidade de 202 km/h na BR-277, em São José dos Pinhais, Paraná.

Para cumprir a proeza, Evandro ficou no vácuo de um veículo em alta velocidade – para isso, a região onde a prova foi realizada foi interditada durante um tempo, atraindo a atenção dos curiosos que passavam pelo local.

De acordo com a PRF, a escolta de Evandro foi curta e feita apenas por 10 minutos, entre as 7h30 e às 7h40 – além de uma grande equipe em terra, o ciclista também foi acompanhado por um helicóptero da polícia.

Vitória

Em conversa com a Banda B, Evandro contou que se preparava para a realização dessa prova há mais de três anos, mas o sonho o acompanha desde a infância: “O batimento cardíaco estava elevado, pensei em desistir, mas como a gente fez uma manobra muito grande, com apoiadores e tudo mais, tínhamos que ir até o final”, disse ele à publicação.

O ciclista já participou de cinco temporadas no Circuito Europeu e está entre os 10 melhores profissionais das Américas. No domingo, ele começou pedalando e ganhou velocidade ao se posicionar atrás de um carro – um Subaru WRX 4x4 350 CV turbo.

Além disso, Evandro contou com uma bicicleta especial, com rolamentos de cerâmica (sem atrito, para velocidades altas), roda da frente de alumínio (mais pesada e mais estável), raios da roda traseira achatados e pneus com alta tecnologia de segurança. Sua roupa também foi escolhida com cuidado, para cortar o vento. A vitória do paranaense foi acompanhada por representantes do Guinness Book.