O mais comum é que a criançada que fica cavoucando nesses tanques de areia que existem em parquinhos e escolas encontre coisas como pedras, brinquedos perdidos ou cocô de animais, certo? Não na Austrália! Isso porque, de acordo com Peter Farquhar, do site Business Insider, uma criança brincando na areia em um colégio da cidade de Laurieton, que fica próxima a New South Wales, na costa leste, desenterrou nada menos que 12 ovos de cobra.

Ovos de cobraNão é brinquedo não! (Business Insider/FAWNA NSW)

O pior é que, depois de o pessoal da escola ser alertado pela criança, eles contataram especialistas e descobriram que possivelmente se tratava de ovos de cobra da espécie Pseudonaja textilis — conhecida lá na Austrália popularmente como “cobra-marrom” —, uma das mais venenosas que existem no planeta!

Cobra marrom PseudonajaVocê não ia querer encontrar com uma dessas! (Sky News)

Mas a coisa não parou nos 12 ovinhos não. Um time de voluntários foi dar uma vasculhada no tanque de areia e descobriu que no local havia sete ninhos e um total de 43 ovos. Uma análise preliminar apontou que os filhotinhos provavelmente eclodiriam dentro de duas semanas, o que é bastante assustador, considerando que, ainda jovens, esses répteis podem dar “picadinhas” perigosas — que certamente mandariam uma criança diretamente para o hospital.

Um dos especialistas que ajudaram a lidar com a situação explicou que existe a possibilidade de que todos os ovos tenham sido postos por uma única cobra e disse que os pais não precisam se preocupar — uhum, tá bom! —, uma vez que os ninhos foram removidos e levados até um lugar seguro e, até onde foi apurado, não existe uma infestação por cobras-marrons na área.