Índices invejáveis fizeram com que a Finlândia se tornasse o país mais feliz do mundo segundo o Relatório Mundial da Felicidade, publicado em 2018. Essa posição está diretamente ligada a categorias que vão desde a situação econômica do país até a liberdade que as pessoas têm para fazer suas próprias escolhas.

Com isso, apesar de seus invernos tenebrosos, faz sentido que a Finlândia seja um lugar onde as pessoas se sintam livres para criar todo tipo de comemoração pouco convencional!

1. Campeonato de carregamento de esposas

Os participantes do “wife carrying” seguram suas esposas e percorrem um caminho de obstáculos. As modalidades variam conforme as posições em que as mulheres devem ser carregadas.

De acordo com Annika Rautakoura, é provável que essa prática tenha sido inspirada em um saqueador do século XIX que capturava mulheres e as levava embora pelas pernas. Como esporte, porém, acontece todo mês de julho desde 1992.

2. Campeonato mundial de air guitar

Imaginar-se tocando guitarra não é novidade para quem gosta de música. Mas, para os finlandeses, air guitar é coisa séria! Desde 1996, competições mundiais são organizadas sob a filosofia: “se todos tocassem air guitar, guerras e mudanças climáticas acabariam; todas as coisas ruins desapareceriam!”.

3. Natação no gelo

Aproveitar o inverno para uma natação congelante é um hobby antigo entre os finlandeses. Há alguns anos, porém, isso se tornou um esporte competitivo, cujas provas acontecem cada ano em uma região e reúnem pessoas do mundo todo.

Todas as idades podem participar; basta aguentar nadar por um trajeto de 25 metros em um lago congelado com a superfície cortada e o fazer no estilo peito – a única modalidade permitida.

4. Copa do mundo de futebol no pântano

Em 2000, os verões no nordeste da Finlândia ganharam uma nova atração: jogadores de vários países se reúnem desde então para disputar a taça mundial de futebol no pântano. A modalidade esportiva não tem regras clássicas, como o impedimento, e é possível que a habilidade mais desejável seja o equilíbrio.

5. Competição mundial de colheita de frutos

Para evitar o desperdício de frutos das florestas, a Arktiset Aromit organiza todo ano uma competição para premiar quem colher mais deles em apenas 1 hora. Atualmente, o recorde pertence a um time que colheu quase 28 quilos de lingonberries.

6. Corrida de guia de trenó

A ideia do “kicksled” é reunir famílias e encorajá-las a passar um tempo ao ar livre. Podem encarar a corrida de trenó tanto as crianças quanto os idosos e, todo ano, aqueles que levam a prática a sério são convidados para competir na região central da Finlândia.

7. Navegação à base de cerveja

No início de agosto, acontece um festival chamado Kaljakellunta, voltado ao relaxamento e à contemplação. Desde 1997, pessoas de todo o país vão ao rio Kerava/Vantaa com seus botes e suas cervejas. Lá, elas passam o dia flutuando na rota preparada especialmente para cada edição.

Apesar de essas serem as festividades ainda ativas na Finlândia, o país também já promoveu diversos eventos bizarros. Até 2015, competia-se para ver quem se sentava em mais formigueiros; entre 2000 e 2011, arremessavam-se celulares – também já houve lançamento de botas. Entre 1999 e 2010, existiram campeonatos de permanência em saunas, brincadeira que acabou quando um competidor faleceu depois de ficar 6 minutos a uma temperatura de 110 ºC.

***

Você conhece a newsletter do Mega Curioso? Semanalmente, produzimos um conteúdo exclusivo para os amantes das maiores curiosidades e bizarrices deste mundão afora! Cadastre seu email e não perca mais essa forma de mantermos contato!