1 – Também conhecido como “Canal Inglês”, esse corpo hídrico – que fica entre a Inglaterra e a França – ganhou o nome de “Canal da Mancha” em português e em espanhol graças à forma como ele é chamado pelos franceses: Le Manche; contudo, “manche” não significa “mancha”, mas sim “manga” em francês, já que o canal consiste em um braço de mar que liga o Atlântico ao Mar do Norte.

(Wikimedia Commons/Domínio Público)

2 – Mas, ao longo da História, o Canal da Mancha foi conhecido por diversos nomes, como Mare Britannicum, Oceanus Gallicus, Mare Anglica e Narrow Sea – ou Mar Estreito em inglês.

3 – Com pouco menos de 565 quilômetros de extensão e largura que varia entre os 33 km e 240 km, o Canal da Mancha ocupa uma área de 75 mil km2 e suas profundidades alcançam de 45 a 180 metros.

4 – Foi nesse ponto de maior profundidade que muitas das armas usadas durante a Primeira e a Segunda Guerra Mundial foram descartadas.

(Wikimedia Commons/Domínio Público)

5 – Ainda sobre as guerras, as ilhas que se encontram no canal, Jersey e Guernsey, assim como pedacinhos de terra próximos a essas duas, incluindo Alderney, Herm, Sark, Jethou, Brecqhou, Lihou e Burhou, foram ocupadas por tropas nazistas durante o conflito; esses ilhéus todos pertencem ao Reino Unido.

6 – O canal se formou após o término da última Era do Gelo. Antes disso, durante o Pleistoceno, o local onde ele se encontra consistia em um trecho de terra-firme que ligava a Grã-Bretanha ao resto da Europa.

(Wikimedia Commons/Ulamm)

7 – A primeira pessoa a atravessar o Canal da Mancha a nado foi um cara chamado Capitão Matthew Webb que, em 1875, levou 21 horas e 45 minutos para percorrer o ponto mais estreito do canal, que fica entre Dover, na Inglaterra, e Calais, na França; em 1988, um garoto de 11 anos de idade concluiu a travessia em menos de 12 horas, e o australiano Trent Grimsey fez o trajeto em 6 horas e 55 minutos em 2012.

8 – Existe um túnel que conecta a Inglaterra e a França através do Canal da Mancha, o Eurotúnel, inaugurado em 1994 e cuja travessia leva por volta de 35 minutos; cerca de 50 mil pessoas embarcam na viagem todos os dias.

(The Independent/Getty)

9 – Apesar de se tratar de uma obra moderna da engenharia, os primeiros projetos de construção de um túnel no Canal da Mancha surgiram em 1802, quando um francês chamado Albert Mathieu propôs a criação de uma via subterrânea que permitisse a viagem entre a Inglaterra e a França por meio de carruagens puxadas por cavalos, com paradas em ilhas artificiais no caminho.

10 – Durante a construção do Eurotúnel, os engenheiros tiveram que remover por volta de 7 milhões de toneladas de material do Canal da Mancha – que foram transportadas até o sudeste da Inglaterra, onde foram usadas para a criação de uma reserva natural chamada Samphire Hoe Country Park, com uma área de 300 mil metros quadrados.

(Wikimedia Commons/Pline)

11 – O Canal da Mancha consiste em um dos pontos de maior trânsito marítimo do mundo, com uma circulação de aproximadamente 500 embarcações por dia por ali.

12 – O litoral britânico no Canal da Mancha é muito mais populoso do que no lado francês.