Localizadas entre a Escócia e a Islândia, as Ilhas Faroé são 18 ilhas pertencentes à Dinamarca indicadas para os amantes da natureza. Repleto de falésias, cachoeiras, montanhas e simpáticas aldeias, o arquipélago é o verdadeiro endereço da tranquilidade, e suas paisagens enchem facilmente os olhos de qualquer um. A seguir, conheça mais sobre esse lugar peculiar:

1. As casas dos locais são de um charme sem igual

De antepassados vikings, seu território abriga mais de cem aldeias com casas pintadas com uma paleta de cores sóbrias e vibrantes. Para garantir o aquecimento dos cômodos nos meses mais frios, os moradores têm o hábito de forrar os telhados das casas com grama.

(Reprodução/Amusing Planet)

2. Tórshavn: a capital das Ilhas Faroé

Dos 50 mil habitantes do arquipélago, cerca de 15 mil moram na capital, Tórshavn. A cidade costeira vive em função da principal atividade econômica da região, a pesca, que é responsável por mais de 80% das exportações locais.

(Reprodução/Hand Luggage Only)

3. Sandavágur: sinônimo de preservação envolto em polêmica

Na Ilha de Vágar, está a pequena Sandavágur, lar de aproximadamente 900 habitantes. A cidade, que já conquistou duas vezes o título de aldeia mais conservada das Ilhas Faroé, ganhou atenção recentemente por conta de uma prática que acontece desde o século 16 em suas praias: a caça anual de baleias. A justificativa do governo local, segundo o Daily Mail, é de que essa seria uma forma de garantir que a ilha, sem condições de produzir alimentos, não precisasse importar comida de outros lugares.

(Reprodução/Erik Christensen)

4. A solitária igrejinha do vilarejo de Saksun

A cota de belas imagens da nossa lista não para por aí! Essa igreja quase desaparece em meio ao verde da paisagem e mostra a facilidade do lugar em proporcionar aos seus moradores e visitantes pequenos deleitos visuais. O vilarejo onde ela fica, Saksun, tinha em 2017 apenas 8 moradores fixos.

(Reprodução/Ingemar Ljungdahl)

5. Sorvagsvatn: o lago que mais parece uma montagem

Parece uma ilusão de ótica, mas pode ser acessado depois de uma trilha de 2 horas: este é o lago Sorvagsvatn, situado a apenas 30 metros acima do mar. Considerado o principal cartão-postal das Ilhas Faroé, suas águas se misturam às do oceano em um determinado ponto, quando despencam do alto de um penhasco.

(Reprodução/Hand Luggage Only)