Aqui no Brasil, é comum que as emissoras de televisão borrem algumas imagens. Normalmente, trata-se de testemunhas que não querem ser identificadas, de crianças ou adolescentes, ou mesmo de logotipos de marcas. Já na China, os espectadores notaram algo incomum nas últimas semanas: as orelhas de diversos homens apareciam embaçadas.

Até agora, nenhum canal se manifestou sobre os motivos para isso. O efeito aparece principalmente nas orelhas de homens famosos, levando os espectadores a especular que seria por eles usarem brincos! Desde o ano passado, o órgão do governo que controla a mídia tem sugerido a censura da cultura hip-hop e da subcultura, incluindo “imoralidades”.

Assim, tatuagens e outros elementos que não representam a cultura chinesa passaram a ser proibidos nas emissoras dos país. A ideia é impedir que a cultura ocidental tome cada vez mais espaço na China – aí é que entra a prática de borrar os brincos masculinos, que não fazem parte do modelo ideal de cultura por lá.

Lóbulos das orelhas masculinas estão "discretamente" borrados (Reprodução/iQIYI TV)

Isso gerou discussões de todos os tipos. Alguns se questionam, por exemplo, se mulheres de cabelos curtos terão a cabeça toda embaçada. Segundo especialistas, a censura está visando proibir as variações de gênero, colocando homens e mulheres em estereótipos predefinidos e evitando “deturpações” que poderiam influenciar os espectadores.

Ainda que pareça bizarro censurar os brincos masculinos, a iniciativa encontrou apoio de uma parcela – mínima, que fique claro – da população, que acredita que o acessório torna os homens mais efeminados. Bizarro, hein?

Celebridades são os princiais alvos da nova censura televisiva (Reprodução/iQIYI TV)