Um vídeo que ganhou proporções virais mostra o momento em que um homem leva dois socos de um canguru na Austrália. Jonathan Bishop voava de parapente há 2 horas e buscava um lugar seguro para aterrissar quando optou por uma estação da NASA que fica em Orroral Valley, a 50 km da capital do país, Camberra. Ele estava tão concentrado nisso que nem percebeu a aproximação de um canguru.

A ação foi filmada pela câmera que levava em seu capacete e publicada em seu canal no YouTube. “Achei que o canguru se comportaria de maneira amigável quando finalmente percebi que ele corria em minha direção. Em vez disso, ele me deu dois socos e foi embora”, contou Bishop, que precisou empacotar todas as peças do parapente e andar alguns quilômetros depois do ataque até encontrar sinal de telefone para pedir a ajuda de um amigo.

“Malditos cangurus”, disse Bishop antes de finalizar a versão do vídeo publicada na internet. Até o momento, ela tem mais de 1,4 milhão de visualizações.

Cangurus são um símbolo e uma praga para os australianos

A população de cangurus é duas vezes maior do que a de pessoas na Austrália. Como esses animais podem ter até 2 m e 90 kg, os encontros com eles tendem a ser mais perigosos do que engraçados. O desenvolvimento das cidades acaba destruindo os locais onde eles vivem e aumentando as chances de situações desastrosas.

Atualmente, esse importante símbolo do país é considerado uma peste entre os moradores, pois invade as plantações e, consequentemente, prejudica a agricultura. De acordo com o National Geographic, os cangurus também se envolvem em 80% dos acidentes entre veículos e animais na Austrália.

Essa não é a primeira vez que a agressividade dos cangurus é registrada em vídeo e viraliza na internet. Em 2016, um australiano socou um animal desse tipo para fazer com que ele soltasse o seu cachorro de estimação, que estava preso por uma chave de cabeça. Na época, o homem foi muito criticado nas redes sociais por caçar porcos selvagens e trabalhar em um zoológico.