Três marinheiros foram encontrados em uma ilha remota na Micronésia após colocarem um sinal SOS na areia da praia.

De acordo com o NPR, os homens haviam desaparecido em 29 de julho quando se desviaram do curso após uma jornada de 23 milhas náuticas de Pulawat até os atóis de Pulap, o que os deixou sem combustível.

O sinal SOS na praia foi decisivo para o resgate. (Fonte: Australian Defence Force)
O sinal foi decisivo para o resgate. (Fonte: Australian Defence Force)

Depois disso, os marinheiros foram parar na ilha remota de Pikelot e não tiveram outra saída a não ser colocar o sinal nas areias da praia para que os militares australianos e norte-americanos pudessem encontrá-los.

Como se deu o resgate

Os homens foram encontrados em boas condições. (Fonte: Australian Defence Force)
Os homens foram encontrados em boas condições. (Fonte: Australian Defence Force)

No dia 1° de agosto, a Força de Defesa Australiana e o Centro de Resgate e Coordenação de Guam uniram forças para procurar os marinheiros perdidos. Graças ao sinal SOS, eles foram encontrados a 118 milhas a oeste do seu ponto de partida.

"Estávamos no final de nosso padrão de busca, evitamos algumas pancadas de chuva e foi quando olhamos para baixo e vimos uma ilha, então decidimos dar uma olhada e foi quando vimos o S.O.S e um barco bem ao lado dele na praia" explica o Tenente-Coronel Jason Palmeira-Yen, piloto da Força Aérea, ao NPR.

Depois disso, de acordo com o Departamento de Defesa australiano, a tripulação do helicóptero do navio HMAS Canberra aterrissou na ilha e ofereceu comida e água aos sobreviventes. Apesar do acidente, foi constatado que os marinheiros estavam em boas condições.

No dia 3 de agosto, o navio patrulha da Micronésia FSS Independence resgatou os homens da ilha.


Outros casos semelhantes

A iha de Pikelot, onde os marinheiros se refugiaram. (Fonte: U.S Air Force)
A ilha de Pikelot. (Fonte: U.S Air Force)

Pode parecer algo saído de filmes, mas um sinal na areia já ajudou outras pessoas antes. De acordo com o All That's Interesting, em 2016, na Micronésia, três homens precisaram nadar três quilômetros até uma ilha depois de um acidente.

Após escreverem HELP ("socorro", em inglês) na areia, foram resgatados pela Guarda Costeira dos EUA. No entanto, sem uma areia para escrever a mensagem, o resgate pode demorar bastante. Em 2018, um adolescente passou 49 dias em alto mar até ser resgatado.