Você é da turminha que não consegue evitar vasculhar as listas de vítimas de ataques terroristas e descobrir quem eram os inocentes que perderam suas vidas por nada? Se além de não resistir buscar informações sobre essas pessoas você também for muito observador, pode ser que tenha percebido um rosto familiar em todos os incidentes recentes envolvendo o terrorismo. Veja a seguir:

O rapaz entre as vítimas do ataque terrorista que matou 42 pessoas no aeroporto de Istanbul

De acordo com o pessoal do portal France24, a última aparição do cara da imagem acima foi entre as 42 vítimas do ataque terrorista cometido no dia 28 de junho contra o aeroporto de Atatürk, na Turquia.

Antes disso, ele também havia aparecido entre as vítimas de um protesto que ocorreu no México no dia 19 de junho, no qual policiais abriram fogo contra os manifestantes, matando ao menos oito pessoas. Entretanto, o rapaz da foto não “morreu” apenas nessas duas ocasiões.

Batalhão de clones?

Segundo o France24, o mesmo homem também apareceu entre as vítimas do tiroteio que deixou 50 mortos — incluindo o atirador — na boate Pulse de Orlando, que aconteceu no dia 12 de junho. O rosto do rapaz ainda apareceu entre os mortos do desastre de avião da EgyptAir que ocorreu no final de maio. Mas, quem, afinal, é esse cara com inúmeros clones ou supostos poderes para desafiar a morte?

BBC desconfiada...

Embora a imagem do homem tenha sido divulgada por grandes portais de jornalismo — como a Times e a BBC —, não demorou até que esses mesmos meios percebessem que havia algo estranho acontecendo e que um mesmo rosto estava sempre presente quando alguma desgraça acontecia.

Trollagem

Quem conseguiu desvendar o mistério sobre o cara das fotos foi o pessoal do portal France24, que não só apurou sua identidade, como entrou em contato com o sujeito — e não foi por meio de médiuns! Depois de investigar junto aos usuários de redes sociais que divulgavam a imagem do rapaz cada vez que alguma matança acontecia, a equipe do France24 descobriu que tudo não passava de pura trollagem, evidentemente.

Caloteiro entre as vítimas do desastre da EgyptAir

Todos contaram a mesma história sobre o rapaz: que ele costumava ser amigo pessoal desses usuários, mas acabou aplicando golpes e sumindo com seu dinheiro. As quantias variam de pequenas somas a até cerca de R$ 3,3 mil, e existem vários processos civis e criminais correndo contra o amigo-da-onça.

Contudo, como ainda não saiu nenhuma decisão judicial sobre as ações, os prejudicados decidiram fazer com que o mundo inteiro reconheça seu rosto e arruinar a reputação do cara — além de matá-lo uma e outra vez, simbolicamente. O golpista, por sua vez, não negou que estava envolvido em processos legais e alegou que havia se transformado em alvo de uma pegadinha.

Entre as vítimas do tiroteio na boate Pulse

O nome do homem não foi divulgado, mas é sabido que ele é do México. Segundo contou, ele não tomou nenhuma medida contra os trolladores porque no seu país nada é feito contra esse tipo de caso. Além disso, o rapaz também afirmou que chegou a entrar em contato com diversos portais de jornalismo para pedir que sua foto fosse removida dos sites, mas nunca obteve resposta. E você, caro leitor, o que achou da vingança contra o golpista?