Só quem quer ou precisa emagrecer sabe que essa não é a tarefa mais simples do mundo e geralmente requer mudanças drásticas em termos de alimentação e atividade física. Convenhamos: ninguém gosta de mudar drasticamente, oras, e isso piora se a pessoa em questão não é do tipo que curte alimentos naturais e saudáveis.

Acontece que perder peso depende, basicamente, da superação de três obstáculos e, uma vez que você consiga resolver essa questão, é bem possível que sua próxima pisada na balança traga boas notícias. Esses obstáculos foram enumerados por Philip Stanforth, do Instituto Fitness do Texas, em publicação no The Independent. Descubra a seguir quais são os hábitos que dificultam nossa perda de peso:

1 – Nós ficamos sentados por muito tempo, todo dia

Vai negar? Para Stanforth, nada mais natural do que o sobrepeso em uma sociedade que se movimenta tão pouco, gasta poucas calorias e as come em excesso. Ou seja: passar o dia sentado no trabalho, sentar no carro para voltar para casa e pedir comida pelo aplicativo é, definitivamente, uma maneira de ganhar peso. Além do mais, a maioria dos alimentos que consumimos são ricos em gorduras e açúcar, que, olha só que sacanagem, são substâncias que nos fazem ter mais fome ainda.

Imagem: Giphy

2 – Nossa memória não funciona quando precisamos lembrar o que comemos ou quanto exercício temos feito

A verdade é que, mesmo tentando ser justos nesse sentido, tendemos a acreditar que comemos menos e nos damos mais créditos do que merecemos. O mesmo vale para atividades físicas: segundo Stanforth, as pessoas tendem a pensar que estão se movimentando o suficiente e que não são sedentárias quando, na verdade, a coisa não é bem assim.

Quer um exemplo? De nada adianta você achar que o café tomado cedo não tem quase nada de calorias – de fato, apenas o café em si não é um mar calórico, mas, se você adicionar leite e açúcar, já terá pelo menos 150 calorias em apenas uma xícara.

Imagem: Giphy

3 – Nossas porções de alimentos são muito grandes

Você chega a um restaurante, come a entrada, a salada e pede o prato principal, que, digamos, é uma massa com carne. Ainda que tudo isso tenha vindo com intenção de servir a apenas uma pessoa, é bem possível que você acabasse se contentando apenas com a metade do prato principal, especialmente se estivesse pensando em pedir sobremesa.

Em tempos de marcas de fast-food promovendo porções cavalares de batata frita com bacon e cheddar, precisamos pensar naquilo tudo como uma verdadeira bomba para o nosso estômago. Como músculo que é, ele vai esticando conforme o entupimos de alimentos, mas não precisamos fazer isso com o pobre coitado, não. Uma dica para comer menos é mastigar mais e, entre uma garfada e outra, deixar o garfo descansando no prato.

Da próxima vez que for a um restaurante e perceber que o prato principal é realmente grande, experimente comer metade e levar a outra parte para casa – não, isso não é feio, fique tranquilo!

Imagem: Giphy

***

Você tem algum hábito difícil de ser mudado e que atrapalha a sua dieta? Conte para a gente nos comentários!