Quem nunca pediu uma bela de uma pizza — quentinha e com todo aquele queijo derretendo! — em uma daquelas noites quando não havia nada de bom para comer em casa ou quando a preguiça de ir para a cozinha preparar alguma coisa era grande demais? No entanto, não pense você que a facilidade de ter essa deliciosa iguaria entregue na porta de casa é algo que surgiu recentemente. Segundo a lenda, o primeiro “delivery” aconteceu em Nápoles em pleno século 19!

Unificação culinária

Mas, antes de contarmos como a entrega propriamente dita aconteceu, deixe a gente contextualizar um pouquinho o que estava rolando em terras italianas naquela época. De acordo com Matt Blitz, do site Food and Wine, em meados do século 19, a Itália, que costumava ser composta por diversas regiões e estados, havia se unificado em um único reino — promovendo, entre outras coisas, um verdadeiro intercâmbio culinário no país.

Rei Umberto I

Contudo, enquanto a italianada começou a trocar receitinhas — de lasagna, tortellini, cannoli e outras preciosidades culinárias — a tradicional pizza napolitana não ganhou muitos adeptos em outras regiões e seu consumo ficou meio que restrito a Nápoles mesmo. Além disso, vale lembrar que a iguaria era considerada uma comida típica do povão, algo que a elite nem consideraria ter no prato.

Pois os monarcas da época eram Umberto I e Margherita — o nome, como você vai descobrir logo mais, não é uma mera coincidência — de Savoy, e eles viajavam bastante pelo país para promover a recém-conquistada unificação. Então, em 1889, enquanto o casal estava de visita em Nápoles, a rainha, cansada de se empanturrar com as comidas “chiques” da corte, pediu que alguém preparasse um prato da culinária local, algo que um cidadão comum comeria.

Rainha Margherita de Savoy

A missão de preparar algo para a rainha caiu nas mãos do renomado pizzaiolo napolitano Raffaele Esposito, dono de uma taverna chamada Pizzeria di Pietro e Basta Cosi — e considerado por muitos como o “pai da pizza moderna”. Raffaele e sua esposa puseram a mão na massa e prepararam três receitas diferentes, incluindo uma contendo mozzarella, manjericão e tomates, pensada para se parecer com a bandeira italiana.

Delivery

É claro que os reis jamais se atreveriam a comer as pizzas na taverna de Raffaelle, então, o pizzaiolo levou suas criações até os monarcas — isto é, daí nasceu a lenda de que a ocasião provavelmente marcou a primeira entrega de pizza da História. Mas, como você já deve ter intuído, tem mais uma lenda vindo por aí!

Nham nham...

Dizem que, quando Margherita provou a pizza de mozzarella, manjericão e tomates, ela teria proclamado que aquela havia sido uma das coisas mais deliciosas que ela havia experimentado na vida. Raffaelle, todo orgulhoso, teria, em retribuição, batizado sua criação com o nome da Rainha — e foi assim que essa especialidade italiana acabou recebendo o nome de Pizza Margherita.

A pizzaria de Raffaelle existe até hoje e continua comercializando suas delícias em Nápoles — só que o nome do local mudou de Pizzeria di Pietro e Basta Cosi para Pizzeria di Brandi, e não temos informações se eles fazem entregas. Contudo, se algum dia você tiver a oportunidade de viajar até lá, o restaurante merece uma visitinha, você não acha?

***

Você sabia que o Mega Curioso também está no Instagram? Clique aqui para nos seguir e ficar por dentro de curiosidades exclusivas!