As plantas carnívoras possuem esse nome por se alimentarem de pequenos animais, principalmente insetos e aracnídeos. Esse não é o caso da Nepenthes Attenboroughii, que inclui até ratos em sua “dieta”.

A nova espécie foi descoberta no topo do Monte Victoria, nas Filipinas. O local é remoto e bastante isolado, sendo que os primeiros registros da planta foram feitos no ano 2000 quando um grupo de missionários cristãos “tropeçou” na espécie e contou sua história em um jornal local.

Agora, 15 anos depois, o Botanical Journal of the Linnean Society finalmente catalogou a planta carnívora, que está sendo considerada a segunda maior do gênero em todo o mundo. Ela pode ultrapassar um metro de altura e possui o formato de um jarro.

Nova espécie de planta carnívora gigante pode ultrapassar um metro de altura

“É notável que uma planta tão grande tenha ficado tanto tempo despercebida”, declarou o pesquisador Stewart McPherson, responsável por catalogar a nova espécie. Ele ressalta que apenas as maiores plantas carnívoras, como a recém-descoberta, são capazes de se alimentar de outros animais além dos insetos.

Elas possuem um líquido repleto de enzimas e ácidos que matam as presas que se aventuram a cheirar o seu néctar mais de pertinho. O que você faria se também “tropeçasse” em uma plantinha como essa?