O que era para ser só mais uma atividade escolar virou motivo de polêmica e revolta em uma cidade na região metropolitana de Curitiba, no Paraná. A professora de uma escola municipal de Agudos do Sul entregou aos alunos do 4º ano desenhos pornográficos para colorir em sala de aula.

As crianças, que têm entre 8 e 9 anos, receberam a folha com a ilustração no fim da aula e foram orientadas a terminarem a pintura em casa. Só quando as mães se depararam com as imagens foi que a escola foi informada do ocorrido.

Em entrevista à Banda B, a mãe de um dos alunos disse que, ao ver o desenho entre os materiais do filho, não acreditou que aquilo pudesse ter vindo de uma professora.

Segundo a secretária de Educação Elange Negrelli, a professora contou que preparou a atividade para os alunos durante a noite e tirou a ilustração da internet por engano. Mesmo com a explicação, ela foi afastada do cargo. 

Você acha que a professora deve perder o emprego por causa do engano? Comente no Fórum do Mega Curioso