Na última semana, nós fizemos uma live no Facebook do Mega Curioso sobre ele: o Capiroto! Se você ainda não acompanha nossos vídeos ao vivo, fique de olho na nossa página!

A Bíblia nunca descreveu de maneira muito clara a feição do Diabo, deixando muito espaço para interpretação. Assim, desde que surgiu a necessidade de representação, o "Coisa Ruim" já foi retratado de inúmeras formas até chegar ao que conhecemos hoje. Quer ver só?

1. Idade Média

Esta é uma representação medieval do Demônio, com barba, cascos, chifres e rabo.

Representação do Diabo

2. O Diabo do Codex Gigas

Esta ilustração faz parte do "Codex Gigas", considerado o maior manuscrito medieval do mundo e também chamado de "Bíblia do Diabo" – por causa desta grande ilustração do Capiroto logo abaixo.

Há uma lenda em torno deste manuscrito: um monge teria vendido a alma ao Diabo para que pudesse terminar esta grande obra, que levou mais de cinco anos para ser concluída.

O Codex Gigas foi concluído em 1229

3. Capeta azul

O mosaico feito pelo artista italiano Coppo di Marcovaldo deve ter apavorado muita gente no Batistério de São João, onde foi instalado. Ele mostra o Satanás engolindo almas, ornamentado com cobras e chifres semelhantes aos de uma cabra.

Concluído em 1301

4. Queimando no Inferno

Nesta obra feita pelos irmãos Linbourg, Satanás tortura almas com a ajuda de outros demônios.

Obra de 1416

5. Capiroto monstruoso

O "Livre de la Vigne nostre Seigneur" traz páginas e mais páginas de assuntos demoníacos, tortura, canibalismo, além de imagens de corpos em decomposição. Esta ilustração mostra o que seria o Capeta aguardando o julgamento por Cristo.

Representação de 1450

6. Diabo verde

Feito entre 1471 e 1475, este bizarro diabo verde – que tem outro rosto em um lugar improvável – foi retratado conversando com São Teófilo de Adana. Esta imagem seria a primeira a simbolizar um pacto com o Satanás. Segundo a história, São Teófilo teria feito este acordo malvisto para se tornar bispo.

Pacto com o capeta

7. Satanás e morcego

A obra "Triptych of Earthly Vanity and Divine Salvation" apresentou uma mistura de diabo com morcego, pisoteando as almas condenadas ao inferno.

Obra de 1485

8. Dêmonio grandioso

Esta ilustração apresenta um demônio gigantesco que estaria devorando Judas, Brutus e Cassius.

Obra de 1800

9. Mais próximo do homem

A obra de Franz von Stuck humaniza mais o Diabo, tornando-o mais próximo das pessoas.

1928