Todos os dias no mundo algum animalzinho melhora o dia de alguém. Não há como negar: eles realmente possuem tal poder. Sabendo dessa capacidade inigualável, o casal Elaine Sangster e John Sangster se uniram aos pôneis em prol de uma causa nobre: ajudar pessoas com demência. Para tanto, os dois criaram um projeto chamado “Therapy Ponies Scotland” que leva pôneis da raça Shetland a inúmeras casas de repouso e hospícios da Escócia para que pessoas com demência e outros distúrbios mentais possam testemunhar o efeito terapêutico desses animais.

“Você entra no quarto deles com um pônei e seus rostos se iluminam.”, declarou Elaine à revista Horse & Hound. “Às vezes você vê pessoas que nunca saíram do seu quarto simplesmente correndo pelo corredor ao lado desses animais!”.

Reprodução/Tudo Sobre Bichos

Lyn Irvine, enfermeira com especialização em Alzheimer e membra do Conselho Regional de Saúde Pública da Escócia, explica porque passar tempo com tais animais traz benefícios à saúde mental: “A interação com os pôneis geralmente ajuda a estimular uma resposta social positiva, além de minimizar o estresse e a angústia. Os animais em geral proporcionam conforto, alegria e uma sensação de excitação.”.

Ademais, esses bichinhos ainda têm a habilidade de aumentar satisfação das famílias dos pacientes, que têm planejado suas visitas para coincidir com a chegada dos adoráveis pôneis. Elaine garantiu, todavia, que nem tudo são flores. Diversas vezes, as equipes médicas dos locais de visitação ficam receosas em receber um grupo de pôneis em suas instalações. Afinal, conseguir gerenciar tantos animais em um local fechado não é tarefa fácil.

Reprodução/Evening Express via Instagram

O casal, no entanto, cuida do mesmo rebanho desde que os integrantes eram bem novinhos. Portanto, a preocupação principal durante a criação dos Shetlands era torná-los obedientes e comportados durante as visitas domiciliares. Para proporcionar a melhor experiência possível, o casal prepara sua cria com muito cuidado: eles estão sempre macios e muito cheirosos, tranquilos e ainda contam com fraldas decoradas com margaridas para evitar qualquer desastre defecatório.

“Toda vez que entramos em uma casa de repouso, as pessoas mal conseguem acreditar no quão bem comportados e calmos os Shetlands são.”, finalizou Elaine. O sucesso é tamanho que já na primeira visita, os funcionários costumam pedir ao casal que reservas de visitas futuras sejam feitas.

Reprodução/Cavalos

O casal possui, ao todo, 15 pôneis. Em cada visita, oito deles estão presentes. Isso dá uma folguinha para eles e colabora para que nunca estejam estressados ou sobrecarregados. Se você está desejando que um pônei te visite e faça o seu dia melhorar com seus efeitos curativos, fique tranquilo: adotar um cachorro ou um gatinho pode te ajudar da mesma forma!