A população mundial já alcançou o incrível número de 7 bilhões de pessoas e, de acordo com a Organização Mundial da Saúde, 1,6 bilhão desse total é formado por adultos com sobrepeso. Entretanto, algumas projeções apontaram que esse número deve aumentar em 40% durante os próximos 10 anos, o que é uma informação bem alarmante.

O pessoal da Forbes divulgou o ranking dos países com o maior número de gordinhos do mundo, para o qual foram considerados indivíduos com mais de 15 anos de idade e com o índice de massa corporal — que mede o peso em relação à altura — superior a 25. Você pode conferir a lista completa, composta por 194 países, através deste link.

Ranking de peso

Fonte da imagem: pixabay

Encabeçando a lista de países com o maior número de gordos está a República de Nauru, com um total de 94,5% da população com sobrepeso, seguida pela Micronésia, com 91,1%, e pelas Ilhas Cook, com 90,9%. Os EUA aparecem em 9° lugar, com 74,1%, a Argentina em 13°, com 69,4%, o Chile em 23° com 65,3%, Cuba em 42°, com 60,1%, e o Brasil em 88°, com 50,5% de gordinhos.

O Japão aparece em 163° lugar, com um total de 22,6% de gordinhos, e o país com o menor número de habitantes com sobrepeso é a Eritréia, com um total de 4,4%. Os especialistas culpam a urbanização e a influência da cultura ocidental — que inclui a falta de exercícios físicos, trabalhos estressantes e uma vasta variedade de opções de “fast food” — como as grandes vilãs da balança mundial.

Essa mudança no estilo de vida fica muito evidente no Sul do Pacífico, já que dos 10 países mais gordos da lista, 8 estão localizados nessa região. Além disso, os especialistas também apontaram uma transição nos países em desenvolvimento, nos quais até pouco tempo se lutava contra a desnutrição e hoje o problema passa a ser a crescente obesidade.