Fonte da imagem: Reprodução/New Scientist

A ciência sempre nos prepara várias surpresas e uma das mais recentes é a “máquina de orgasmos” criada por Stuart Meloy — um cirurgião com base na Carolina do Norte. Segundo o que ele conta ao site New Scientist, o projeto dele pode fazer com que mulheres atinjam o clímax das relações sexuais com apenas um botão — e alguns implantes elétricos aplicados cirurgicamente.

Este sistema utiliza um dispositivo bem pequeno (menor que uma caixa de remédios), que é utilizado para acionar eletrodos anexados à espinha das pacientes. Esses eletrodos fazem com que os nervos sejam estimulados e causem o orgasmo desejado. Como já dissemos, os implantes ocorrem por meio de microcirurgias, mas sem qualquer tipo de adormecimento por parte dela.

Meloy afirma que a mulher precisa estar consciente para que o cirurgião possa encontrar os pontos corretos na medula espinhal. Depois disso, um gerador de sinal pode ser conectado ao sistema e implantado logo abaixo da pele — próximo à região das nádegas. O controle remoto pode ser acionado a qualquer momento para causar a sensação esperada.

Segundo o site HuffingtonPost, o médico responsável pelo sistema afirma que o procedimento é tão invasivo quanto o implante de um marca-passo, por isso deve ser usado apenas em casos extremos. Uma das recomendações de Meloy é para casais que estão juntos há muito tempo e já não conseguem “fazer acontecer” pelas vias normais.