Na maior parte do mundo, o Dia dos Namorados é comemorado em 14 de fevereiro, o mesmo dia em que a Igreja católica celebra São Valentim, um bispo que lutou contra um imperador romano que queria proibir que as pessoas se casassem. Nessa época do ano, os sex shops de boa parte do mundo aumentam suas vendas. Confira as preferências das pessoas em diversos países:

1. Estados Unidos

O item mais vendido deste ano é o Eva Now – um estimulador clitoriano que deixa as mão das mulheres livres para outras “brincadeirinhas”. O produto foi desenvolvido por duas amigas e teve financiamento coletivo. Ele é vendido por US$ 105 (cerca de R$ 420).

2. Inglaterra

Consolos de 30 cm com duas extremidades e camisolas macias estão entre as preferências dos ingleses neste ano. Outro item que vende bem o ano todo é o anel peniano, que promete deixar o homem com uma ereção mais prolongada.

3. Alemanha

Os anéis penianos também são a preferência dos alemães, que elegeram o Joyride como o brinquedinho do ano. Além de prolongar a ereção, esse anel é vibratório e possui uma saliência que pode ser penetrada na parceira (ou parceiro, já que serve para todo mundo) e aumentar o orgasmo. Ele custa 39,90   (ou cerca de 180 reais).

4. Sérvia

As lingeries eróticas estão em alta na Sérvia, que passou a comemorar o Dia dos Namorados principalmente a partir da queda do comunismo. As mais vendidas neste começo de ano são tangas, calcinhas e fios-dentais embrulhados em formato de românticas rosas.

5. México

As vendas de produtos eróticos também aumentam no México durante o mês de fevereiro, mas o povo não anda muito criativo por lá... Os itens mais procurados nessa época são camisinhas e lubrificantes.

6. Holanda

Calcinhas e sutiãs vermelhos estão em alta na Holanda, assim como vibradores e anéis penianos. Porém, os mais aventureiros também podem comprar um kit surpresa, que vai agradar tanto o homem quanto a mulher. São joguinhos sexuais, lubrificantes e outras brincadeirinhas para apimentar a relação.

7. Romênia

É durante o Dia dos Namorados que as vendas femininas superam as masculinas nos sex shops da Romênia. Neste ano, calcinhas feitas de doces e pirulitos em formato de vagina estão entre os presentes que as romenas vêm procurando para dar o recado aos homens: “Vocês precisam comer mais delicinhas”.

8. Espanha

As espanholas estão buscando óleos de massagem aromáticos para dar aquela romantizada no rala e rola. Já os homens procuram vibradores mais potentes e estimuladores de clitóris para satisfazer ainda mais suas parceiras.

9. Dinamarca

Nesse país nórdico, o sexo chegou a um patamar mais hardcore: os itens mais vendidos neste ano são as cintas com consolos. E olha que falamos de casais heterossexuais! Também está em alta o estimulador vaginal em formato oval, que pode ser usado em uma festa, por exemplo, e acionado pelo homem através de um controle remoto – uma ótima forma de ser discreto, mesmo fazendo sacanagem em público.

10. Suécia

O campeão de vendas em 2016 está sendo um estimulador vaginal que pode ser usado durante o ato sexual. Ele acaricia o clitóris e o pênis ao mesmo tempo, aumentando a sensação de prazer para as duas pessoas.

***

Você já comprou algum produto erótico? Comente no Fórum do Mega Curioso