Todo mundo vai morrer um dia e tem gente que gosta de pensar nisso e planejar melhor o futuro, seja preparando um funeral, escolhendo caixões ou pensando em lugares nos quais gostaria de ter suas cinzas jogadas. Se você quer ser cremado, pode ter suas cinzas arremessadas no Espaço. A primeira decolagem está programada para o próximo ano, saindo da Flórida e o serviço custa US$ 1.990. Interessado?

A empresa, fundada por Thomas Civeit, um antigo funcionário da NASA, chama-se “Espaço Elysium”, em homenagem à descrição mitológica do estado de felicidade eterna. Os serviços incluem o recolhimento das cinzas e a entrega delas ao espaço, sendo que a cápsula que vai abrigar o material poderá ter uma mensagem impressa, de até 80 caracteres. Os familiares poderão acompanhar o lançamento da cápsula e receberão um vídeo do processo, juntamente com um certificado de conclusão da missão.

O serviço

Fonte da imagem: Reprodução/ElysiumSpace

Se a família quiser, poderá ficar com uma pequena porção das cinzas, que será enviada pela empresa em uma caixinha customizada. Um aplicativo vai permitir que a família acompanhe a viagem da nave em tempo real – a nave ficará viajando à órbita da Terra por alguns meses – ou até anos – e retornará à nossa atmosfera como se fosse uma estrela cadente.

Esse tipo de serviço não é assim tão recente, já que uma empresa chamada Houston Services Inc. realiza a atividade desde 1997, sendo que as duas primeiras pessoas a terem suas cinzas enviadas para o espaço foram Gene Roddenberry, criador da série “Star Trek” e Timothy Leary, psicólogo e especialista em LSD. Os preços dessa empresa variam entre US$ 4.995 para cinzas arremessadas na órbita da Terra e US$ 12.500 para quem quiser que suas cinzas sejam deixadas na Lua. A Houston Services Inc. planeja vender pacotes turísticos de viagens para o espaço já no próximo ano.