Pois é, ultimamente nem os animais têm deixado de lado as preliminares na hora da cama (ou em qualquer outro lugar). Aliás, caso você não saiba, o sexo oral já faz parte da rotina de porcos-espinhos, morsas, esquilos, golfinhos e até de morcegos (sim, o Batman não tem frescura entre quatro paredes). Contudo, esse costume entre ursos é novidade!

Os dois ursos machos — pegos em flagrante — nasceram em 2003 e vivem em um santuário na cidade de Kutevero, Croácia. Desde pequenos e inocentes, eles são estudados por um grupo de cientistas da Academia Polonesa de Ciências, que já flagrou os “meninos” praticando sexo oral — um no outro e vice-versa — em várias oportunidades ao longo desse tempo (mais de uma década). Detalhe: em quatro dias, os cientistas registraram 28 atos (ursos viciados em sexo oral, como assim?!).

TNH1

De acordo com os observadores de plantão, é o menor que tem iniciativa e parte para cima do parceiro, agradando o urso mais velho de um jeito mais, digamos, tranquilo e relaxante. Depois de terminada a brincadeira, uma aparente ejaculação foi percebida no urso recebedor — através de espasmos musculares e fluidos suspeitos no focinho do menor.

Não contentes com essa relação de desejo e afeto, a galera soltou uma fêmea no meio dos dois safadinhos, mas nada: ela acabou virando “vela”, enquanto os dois machos faziam a festa e nem davam bola para ela.

Tem explicação?

Esse tipo de comportamento pode estar ligado à ausência de uma presença materna durante a infância dos dois ursos, em que o sexo oral seria uma forma para suprir essa falta da mãe. Mesmo assim, eles persistem com a prática e parecem gostar muito do que fazem — um no outro — no momento das preliminares.

***

E você, leitor, conhece outros animais que possuem costumes inusitados como esse? Não deixe de compartilhar sua informação com a gente nos comentários abaixo.