Os paulistanos que observaram o céu na capital paulista no começo desta semana, mais precisamente nesta terça (14) e quarta-feira (15), tiveram uma surpresa já que ele foi tomado por uma tonalidade rosada. Durante o outono que vivemos, desde meados de março, a luz se destaca ainda mais no entardecer e proporciona cores incríveis.

Um prato cheio, principalmente, para quem gosta fotografar o pôr do sol. As redes sociais estiveram tomadas pelas fotos, que foram registradas em diversos bairros de São Paulo como a Vila Mariana e os Jardins, incluindo também algumas cidades do ABC Paulista.

Imagens compartilhadas pelos paulistanos no Instagram (Instagram/Reprodução)Imagens compartilhadas pelos paulistanos no Instagram (Instagram/Reprodução)

Além da alta luminosidade, há uma razão por trás da intensidade das cores vermelho e laranja no céu. Segundo a meteorologista Joselia Perogim, do Instituto Climatempo, durante o dia uma camada mais intensa de nuvens médias e altas estiveram cobrindo a capital paulista, deixando o céu com um aspecto mais esbranquiçado. Dessa forma, havia poucos raios solares ultrapassando a barreira revestida pelas nuvens.

Além da alta luminosidade derivada da época, há uma razão por trás da intensidade das cores vermelho e laranja no céu. Segundo a meteorologista Joselia Perogim, do Instituto Climatempo, durante o dia uma camada mais intensa de nuvens médias e altas estiveram cobrindo a capital, deixando o céu com um aspecto mais esbranquiçado. Dessa forma, havia poucos raios solares ultrapassando a barreira revestida pelas nuvens. Mas, como registrado, ao final do dia as configurações do céu mudaram.

Imagem registrada em Cotia, SP. (Daiane Conte/Arquivo Pessoal)Imagem registrada em Cotia, SP. (Daiane Conte/Arquivo Pessoal)

Perogim explica ainda que próximo ao pôr do sol (quando a estrela se aproxima da linha do horizonte), os raios são refletidos na parte de baixo das mesmas nuvens que anteriormente os cobriam. Entretanto, a concentração desses raios não expostos nos últimos dias estava acima do normal, registrando um fenômeno ainda mais agudo e poderoso. As tonalidades se intensificaram e o show pôde ser visto por diversas pessoas na cidade.

A meteorologista ressalta que mesmo com a diminuição da poluição durante a quarentena, para proteger a população da propagação do coronavírus, ela ainda não está perto de acabar.

Entretanto, já podemos notar que esse seu lado “bom” contribui para uma interação maior com os raios solares que geram essas colorações mais bonitas no céu. Nos resta apreciar as fotos tiradas pelos paulistanos e esperar que o céu nos presenteie com mais desse fenômeno.