Todo mundo já fez alguma coisa pela qual não se sentiu particularmente orgulhoso, e sobre a qual teve que pedir desculpas depois, não é mesmo? Pois, pessoas famosas também passam por esse tipo de constrangimento, conforme você vai pode conferir nos exemplos da lista a seguir, selecionados a partir de um artigo de Rudie Obias do site Metal_Floss. Veja:

1 – Paul Newman

Paul Newman sempre será lembrado como uma das maiores estrelas de cinema do mundo, mas, nem ele se livrou de se sentir constrangido por um de seus trabalhos. Mais precisamente, o ator se sentia profundamente envergonhado por seu filme de estreia, chamado “The Silver Chalice”, lançado em 1954.

Segundo Newman, o longa foi o pior produzido naquela década e, nos anos 60, depois que um canal de TV anunciou que exibiria o filme durante algumas noites, o ator mandou publicar um pedido de desculpas ao público que assistia àquele canal em dois jornais de Los Angeles.

2 – Shia LaBeouf

Em 2010, durante a conferência de imprensa sobre o filme “Wall Street - O Dinheiro Nunca Dorme” no Festival de Cannes, Shia LaBeouf pediu desculpas por sua participação em “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal”, de 2008, justificando que sentia que havia decepcionado os fãs da série.

Conforme explicou Shia, ele poderia culpar o roteirista ou o diretor por algumas sequências que não deram certo. Mas, seu trabalho como ator é o de dar vida ao personagem, e fazer com que essas cenas funcionem, e ele não foi capaz de conseguir isso. Portanto, ele assumia a responsabilidade pelo fracasso.

3 – George Clooney

Será que você consegue imaginar por qual filme George Clooney pediu desculpas aos fãs? Se você chutou “Batman e Robin”, de 1997, você acertou em cheio! E o ator não se desculpou apenas pelo uniforme com mamilos que ele teve que usar durante as filmagens — caso você não se recorde dessa belezura, confira a imagem a seguir:

Clooney admitiu que sempre se desculpa por sua participação no longa, e disse que ele chegou a acreditar que tinha arruinado a franquia de vez, até que Christopher Nolan decidiu trazer o herói de volta às telonas. Aliás, inclusive Joel Schumacher, o diretor de “Batman e Robin”, já pediu desculpas aos fãs, explicando que sua intenção não era a de ofender ninguém, mas sim de simplesmente entreter o público.

4 – Oliver Stone

O filme “O Expresso da Meia-Noite”, de 1978, conta a história de um norte-americano que viaja de férias à Turquia, mas é pego por porte de drogas ao tentar deixar o país. Na trama, o personagem é preso, espancado e torturado e, apesar de ser condenado a 30 anos, consegue escapar depois de cinco anos de cadeia. O diretor Oliver Stone recebeu um Oscar de melhor roteiro adaptado pela obra, e causou um enorme mal-estar entre os turcos.

Stone foi acusado de criar com seu filme estereótipos e uma imagem negativa que afetou o país e o povo turco durante vários anos e, em 2005, o diretor viajou até a Turquia para se desculpar pessoalmente ao Ministro da Cultura e Turismo do país. Em uma reunião com repórteres em Istambul, o norte-americano admitiu ter exagerado na dramatização do roteiro, embora a situação das prisões turcas fosse desumana na época das filmagens.

5 – Eli Roth

Você se lembra do filme “O Albergue”, de 2005? Escrito e dirigido por Eli Roth, o longa conta a história de dois jovens, Josh e Paxton, que, durante uma viagem pela Europa, fazem amizade com um islandês — meio maluco, tarado e chegado a uma bebidinha — chamado Óli. Os três conhecem um rapaz em Amsterdã que os convence a visitar um albergue na Eslováquia que supostamente está repleto de mulheres belíssimas, mas caem em uma terrível armadilha.

Segundo Roth, o filme foi exibido na Islândia, e o Ministro da Cultura ofereceu um enorme jantar à equipe. Pois o diretor teve que fazer um pedido de desculpas formal ao país por arruinar a imagem da cultura islandesa perante o mundo, e ainda recebeu um perdão oficial emitido pelo presidente da Islândia sobre o filme — que aproveitou para tirar um sarrinho de Roth, dizendo o isentava da culpa, já que ele havia retratado o personagem de forma precisa.

***

E você caro leitor, consegue se lembrar de mais casos de celebridades que se desculparam por algum fiasco cinematográfico? Ou, ainda, você tem palpites a respeito de atores e diretores que deveriam se desculpar com o público por algum trabalho que você não gostou? Não deixe de compartilhar conosco nos comentários!