No final do ano passado, noticiamos que o transplante de pênis seria uma realidade em solo americano ainda em 2016. Passados 6 meses, veio a confirmação: o Hospital Geral de Massachusetts, em Boston, realizou a primeira cirurgia do gênero nos Estados Unidos, seguindo as bem-sucedidas experiências na África do Sul e no Reino Unido.

O procedimento estadunidense aconteceu no início do mês, tendo como “cobaia” um senhor de 64 anos que perdeu o pênis por conta de um câncer. Futuramente, os cirurgiões acreditam que essa operação poderá se tornar mais rotineira para pacientes que sofreram lesões devido a doenças ou veteranos de guerra mutilados em combate.

O bancário Thomas Manning, que passou pela cirurgia em Boston, deve voltar a urinar normalmente dentro de algumas semanas. Já as funções sexuais devem ser recuperadas em poucos meses. “Estamos cautelosamente otimistas, já que são águas desconhecidas para nós”, explicou o cirurgião plástico Curtis Cetrulo. Vale ressaltar que a doação veio de um homem falecido.

Essas operações vão custar até US$ 75 mil – algo em torno de R$ 260 mil no câmbio de hoje. Porém, esse primeiro procedimento foi todo custeado pelo hospital. Essa cirurgia está salvando a vida de quem já se submeteu a ela: na África do Sul, um jovem de 21 anos anunciou a gravidez da esposa poucas semanas após o transplante; já no Reino Unido, um homem de 43 anos esperava, enfim, perder a virgindade.

Depois de perder pênis em atropelamento na infância, escocês foi um dos primeiros do mundo a ter um pênis transplantado e comentou sobre a ideia de perder a virgindade depois de tanto tempo de espera

***

Você se submeteria a um transplante de pênis? Comente no Fórum do Mega Curioso