Todos os anos na cidade de Pamplona, na Espanha, ocorrem as tradicionais Festas de San Fermín, que têm início no dia 6 de julho e são conhecidas em todo o mundo pela emblemática — e perigosa — corrida de touros ou “Encierro”. A atividade consiste em correr ao lado de um grupo de animais, que são soltos por um trajeto de 800 metros pelas ruas da cidade e conduzidos até a Praça de Touros.

O percurso costuma durar entre 3 e 4 minutos, e as pessoas que participam das corridas costumam ser habitantes locais, que se preparam para o evento com o objetivo de minimizar o risco de acidentes. Contudo, os acidentes são bastante comuns — normalmente envolvendo turistas que visitam Pamplona durante os festejos —, e em algumas ocasiões, são bem graves e até fatais.

Pânico

E é claro que as imagens dos feridos acabam circulando pelo mundo — afinal, todos torcem pelos touros, não é mesmo? —, como foi o caso de Diego Miralles, que levou três chifradas graves na corrida que ocorreu hoje de manhã. Segundo informações do site oficial da festa, o ataque do touro durou cerca de meio minuto, causando momentos de bastante pânico.

Miralles foi atingido no joelho direito, virilha e coxa esquerda e, depois de passar por cirurgias não corre mais risco de vida. Você pode conferir o vídeo do ataque a seguir, assim como algumas imagens registradas durante o incidente.

Atenção, leitor: as imagens a seguir são fortes. Se você é sensível a esse tipo de material, não prossiga.

1 – Coxa

Fonte da imagem: Reprodução/San Fermín

2 – Joelho

Fonte da imagem: Reprodução/San Fermín

3 – Ataque

Fonte da imagem: Reprodução/San Fermín

4 – Fúria

Fonte da imagem: Reprodução/San Fermín