Lila May Schow é uma garotinha adorável que acabou de completar cinco anos de idade. Para celebrar a ocasião, seus pais resolveram fazer uma baita festança. Até aqui, a história de Lila não parece muito diferente, mas a verdade é que esse aniversário teve um significado muito maior para a sua família: ele pode ter sido o último.

Diagnosticada com câncer há três anos, a pequena Lila tem encarado uma batalha grande demais para alguém de tão pouca idade. Justamente pelo sofrimento enfrentado por ela e pela gravidade da doença, que está em estágio avançado, seus pais resolveram que o quinto aniversário da pequena seria uma festa inesquecível, grandiosa e cheia do ingrediente mais importante de todos: alegria.

A princesa escolhida para representar a pequena foi Cinderela, uma de suas favoritas, e milhares – sim, milhares – de pessoas compareceram ao evento, que já podemos chamar de uma das coisas mais bonitas e emocionantes de todos os tempos. A festa incluiu também um baile, no estilo norte-americano, que é geralmente realizado ao final do ensino médio; e uma celebração de casamento.

“Tem alguma coisa nela que realmente inspira as pessoas, e ela inspirou um exército”, disse o pai da menina, Ryan Schow. A celebração contou com a colaboração dos moradores de Portland, Oregon, onde a família vive. Eles doaram bolos, se organizaram para arrumar uma carruagem e até mesmo para bancar a parte musical do evento.

Os conterrâneos também ajudaram a construir um trono de princesa para Lila, sem falar, é claro, no vestido que a pequena usou no dia do evento: ele também foi feito com a ajuda de várias pessoas. “Nós estamos emocionados e honrados. Essa comunidade é um pedaço do paraíso”, disse a mãe da aniversariante, Heidi Hall.

O câncer de Lila é o neuroblastoma, que foi diagnosticado quando já estava em um grau avançado. Depois de buscar ajuda em quatro hospitais de três estados norte-americanos diferentes, os médicos chegaram ao consenso de que não há mais nada que possa ser feito para salvar a vida da criança. Desde então, os pais de Lila decidiram mudar de foco e, em vez de levá-la de hospital para hospital, resolveram que fariam de tudo para que ela tivesse uma vida intensa e cheia de diversão.

A intenção de fazer uma grande festa de aniversário para Lila foi compartilhada na página da garotinha no Facebook. Na publicação, os pais falaram que gostariam que o evento fosse grandioso e pudesse representar também as tradicionais festas do baile escolar e do casamento, que provavelmente ela não terá.

Pedido feito, pedido aceito. A festa, que aconteceu há algumas semanas, foi muito maior do que a família esperava, e a pequena Lila se divertiu como nunca. Eis uma boa história para nos ajudar a recuperar a fé na humanidade e nos lembrar de que as pessoas ainda fazem coisas incríveis. E é importante falar sobre elas. Sempre.