Um castelo construído no topo de uma colina em Sintra, Portugal. A Quinta da Regaleria é um impressionante palácio que começou a ser feito em 1904 pelo entomologista António Augusto Carvalho Monteiro com a ajuda do arquiteto italiano Luigi Manini.

Importante atração de Portugal, o palácio demorou seis anos para ser construído e tem uma mistura de estilos arquitetônicos, combinando o neogótico, neorrenascentista, italiano e manuelino.

E por que a Quinta de Regaleria é tão famosa? Porque em toda a parte podem ser vistos diversos símbolos que remetem a várias sociedades secretas de destaque. Em toda a propriedade, além da mansão e da capela, existem diversas grutas, estátuas, um sistema de túneis subterrâneos e, talvez o “item” mais famoso: o poço de “iniciação”.

Além de símbolos da Maçonaria, há sinais sutis que remetem à alquimia, aos Cavaleiros Templários e aos Rosacruzes.

Confira 10 fotos desse misterioso cartão postal de Portugal!

Fachada externa da Quinta de Regaleria, em Sintra, Portugal. (Fonte: Wikimedia Commons)
O palácio está construído em um grande terreno que possui: jardins, fontes, grutas, lagos, poços e fontes. (Fonte: Jumping Rocks/Universal Images Group Editorial)
O poço de iniciação maçônica da Quinta de Regaleria tem característica aquitetônica nas tradições herméticas. Alinhados com uma escada em espiral, esses poços têm como objetivo o simbolismo da morte e do renascimento. (Fonte: Wikimedia Commons)
O poço nunca foi usado como fonte e armazenamento de água e sim em rituaus de iniciação maçons. (Fonte: Needpix)
No fundo do poço, há uma cruz templária de oito pontas. (Fonte: Getty Images)
Estátuas de estuque formam a decoração e contam histórias. (Fonte: Getty Images)
A Torre da Gruta de Leda, uma das grutas que formam a Quinta de Regaleria. (Fonte: Getty Images)
Um dos muito túneis conectados e que aumentam o enigma da propriedade. (Fonte: Wikimmedia Comons)
Varanda no estilo neomanuelino, um dos estilos utilizados no palácio. (Fonte: Getty Images)
O palácio tem um porão além do piso térreo e dos três andares. (Fonte: Getty Images)